Hospital de Campanha inicia suas atividades nesta segunda

às 18h15

O Hospital de Campanha (HCamp) da Força Aérea Brasileira (FAB) foi montado no entroncamento entre as rodovias BR-101 e Jorge Lacerda (estadual), em Santa Catarina, para apoiar a estrutura de saúde daquele Estado no atendimento das vítimas de enchente da região do Vale do Itajaí e deve iniciar os atendimentos a partir das 8h da manhã desta segunda-feira.

É importante que a população saiba que, em caso de necessidade, não deve ir diretamente ao HCamp e, sim, procurar os postos de saúde da rede pública, já que o objetivo é realizar atendimentos ambulatoriais e não emergências. Segundo o Superintendente de Hospitais Públicos de Santa Catarina, Roberto Hess de Souza, o local é estratégico para o atendimento da população das cidades de Itajaí, Ilhota, Gaspar e Blumenau, onde estão cerca de 80 mil pessoas desabrigadas.

Ao menos 30 mil pessoas estão em abrigos. “O apoio do hospital ajudará a estrutura de saúde nesta fase em que podem aparecer doenças, como a leptospirose e a hepatite”, afirma o superintendente. De acordo com ele, equipes médicas que estão nas áreas críticas e nos abrigos nas cidades farão uma primeira triagem, encaminhando pacientes, se necessário, para o HCamp. Por conta da localização, a remoção será feita em ambulâncias ou, em caso de urgência, em um dos 15 helicópteros que apóiam o atendimento de saúde na região. Será avaliada a necessidade de o HCamp atender a moradores das imediações dessas rodovias.

O HCamp é uma unidade de saúde móvel, que pode ser transportada em avião e que destina-se a atender feridos em combate em um curto período de internação. O modelo usado pela FAB tem sete módulos (barracas) climatizados, os quais podem ser montados em diversas configurações, dependendo da necessidade, para o funcionamento de unidade de atendimento e emergência, raio-X, enfermaria, odontologia, centro de terapia intensiva, laboratório e farmácia.

O hospital tem capacidade para realizar 400 atendimentos por dia. *Especialidades – *Na operação em Santa Catarina, o hospital militar terá equipes nas especialidades básicas de clínica médica, ortopedia, pediatria, ginecologia e odontologia. Cerca de 80 militares, de diversas especialidades e de equipes de apoio, participarão do esforço de atendimento na área de saúde, além das equipes de helicópteros e aeronaves de transporte da FAB que operam a partir do Aeroporto de Navegantes.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: